Após empate no Maracanã, Vasco garante acesso à Série A do Brasileirão

De um lado, a esperança de voltar para a elite do campeonato e do outro, a esperança de continuar na Série B. Maracanã lotado, clima de decisão, apoio, tensão, nervosismo, vaias… Todos esses detalhes resumem a partida de hoje.

Depois de um ano vergonhoso, o torcedor só queria ver uma reação nesse jogo decisivo. Só que essa reação não veio. Com um primeiro tempo sendo até bem explorado pela equipe vascaína, o torcedor chegou a acreditar na vitória. Só  na primeira etapa, foram 12 finalizações contra duas do Icasa. Em uma delas, após cruzamento de Douglas, Kleber subiu para cabecear e abriu o placar. Era a hora da festa vascaína.

Como nada foi fácil para o torcedor vascaíno esse ano, quem iria garantir que hoje seria moleza? Ninguém. Na segunda etapa, o Vasco sumiu. Com um meio de campo lento, o Cruz-maltino acabou deixando o adversário crescer em campo. E foi assim que o empate veio. Com menos de dez minutos, Nilson acertou um belo chute e fez a torcida vascaína se calar. Por outro lado, fez os poucos torcedores do Icasa presentes sentirem um pouco de esperança.

Com a tensão e o nervosismo em alto nível, o Vasco até se fazia presente no ataque mas pecava no chute decisivo. O ritmo diminuiu, mas o desespero não. No último lance, após cabeçada muito perigosa, quase que o Icasa vira o placar. O jogo termina em 1 a 1, Icasa cai para a Série C, Vasco garante a vaga na Série A e a torcida não deixa o Maracanã sem vaiar. Além de gritar: “Time sem vergonha!”.

Comments Closed

Comments are closed.