08 nov

Pós jogo Vasco 1 x 0 ABC – Campeonato Brasileiro Série B

O cenário foi o melhor possível, público fez o seu papel como nenhum outro, o personagem principal seguiu o script como era esperado. Sem deslizes, sem surpresas negativas e com direito  ao reencontro com a vitória. Na tarde do sábado (08) o Vasco venceu o ABC de Natal com a melhor atmosfera possível, no Maracanã. Antes do pós jogo, vale salientar que dos grandes do Rio de Janeiro, o Club de Regatas Vasco da Gama é o único que tem duas casas à sua altura de Gigante.

O Marketing do clube fez o seu papel, espalhou nas redes sociais o chamado, que não era o do Batman, mas que teve o mesmo efeito. Os súditos do Vasco enfrentaram longas filas para apoiar o Vasco contra o clube que o eliminou da Copa do Brasil. Após 7 meses sem jogos no Maracanã, o estádio viu o que já era acostumado a ver antes da reforma, a supremacia da torcida que não abandona o Vasco jamais, nem com uma campanha instável na série B.

O primeiro tempo foi tímido, as chances de marcar existiram mas não se concretizaram. A torcida começou a demostrar uma certa preocupação quando o final do tempo se aproximava. Quando o árbitro definiu mais 2 minutos de acréscimos, eis que o grande momento até então aconteceu. O pernambucano Diego Renan cruzou a bola para Carlos César que foi derrubado pelo goleiro do ABC. Pênalti para o Vasco e  expulsão do arqueiro rival. Douglas, o batedor de penalidades oficial, fez o que é de praxe fazer, mandou a bola para a rede. O Vasco seguiu para o intervalo com a vantagem de 1 gol.

O segundo tempo começou e junto com ele a vontade de ampliar o placar. Durante os últimos 45 minutos foi assim, a busca do gol veio com Thalles, Diego Renan, mas a bola não entrava. A torcida fez o seu papel, cantou, empurrou e nada do gol vascaíno.

49 mil pessoas presenciaram a conquista de mais 3 pontos na série B. O jogo terminou Vasco 1 x 0 ABC no Maracanã.

02 set

Será o fim dos tempos vascaínos?

Há poucos dias, o Vasco estava com o técnico Adílson Batista no comando e, simplesmente, não deu em nada. A última lembrança do seu comando pelo cruz-maltino, é uma goleada do Avaí, 5 a 0, em casa. E o que mais irrita, é saber que, mesmo depois dessa goleada, não foi a diretoria que demitiu o Adílson e sim, ele que pediu demissão.

Hoje, terça-feira (02/09), o Vasco enfrentou o ABC, fora de casa. O interino Jorge Luiz ficou no comando e já começou a assustar.

1º: Mesmo que o Diogo Silva tenha tido uma apresentação, digamos que aceitável, isso não diz que devemos aceitar ele no gol vascaíno. Martín Silva não atuou, porque foi convocado pela seleção uruguaia. Mas, e o Jordi? E o Coppetti? Estão fazendo o que no Vasco? Leia mais

01 set

Goleada não afasta torcedores de comprar ingressos para ABC X Vasco

O Vasco passa uma fase ruim e disso todo mundo sabe. A segunda estadia na série B não vem agradando torcedores e a desestabilidade dos resultados assusta. Após a derrota de 0x5 no último sábado (30), em casa para a equipe do Avaí, o Vasco precisará de reerguer na Copa do Brasil. O cuzmaltino irá até o Rio Grande do  Norte, onde enfrentará o ABC de Natal e precisa da vitória para a classificação, para que só assim começar a escrever uma nova história em 2014.

O jogo contra o Avaí  não afastou a torcida de comprar os ingressos e serviu até de motivação para apoiar o clube. “É como diz a música “O Vasco é minha vida, minha história, meu primeiro amigo, quem não te conhece me pergunta por que eu te segui”. Vocês abandonariam o melhor amigo, o amor de vocês num momento difícil? Eu não. desistir do Vasco? Nunca iremos, então vamos mostrar que o gigante tem força e apoiar pra sairmos de Natal com a vitória e a classificação” foi o que disse Romulo Magalhães, torcedor de João Pessoa-PB que costuma ir aos jogos do Vasco no Nordeste.

A goleada do último sábado foi a maior que o Vasco já sofreu em São Januário, mas a torcida de Natal pretende apoiar e deixar de lado esse episódio trágico. Vejam o que diz Márcio Eutrópio, que após a goleada foi comprar o seu ingresso “Acredito na classificação porque o Vasco vem jogando melhor fora de casa e vai ter 10% de um estádio apoiando o Vasco sem parar”.

Daniele Albuquerque vai para todos os jogos do Vasco no  Nordeste, seja em caravanas ou por contra própria e não medirá esforços para ver o Vasco em Natal na próxima terça-feira (03) “O nosso time sempre foi guerreiro e nunca desistiu das lutas. Apesar de os jogadores não passarem muita confiança para o torcedor ,a nossa historia nos leva a crer que essa classificação virá. Espero que o resultado de sábado influencie positivamente, que lutem ate o fim”.

 

25 ago

Além da volta, Vasco recebe sondagem de 5 milhões de euros por atacante

Amanhã, na partida contra o ABC, o Vasco poderá contar com a volta de Thalles, que estava atuando pela seleção sub-20. A equipe cruz-maltina, irá a campo por uma vaga nas quartas de final da Copa do Brasil. A partida será realizada em São Januário, às 19h30. Além da volta do atacante, a diretoria teria recebido uma sondagem de 5 milhões de euros pelo jogador.

No início de abril, Thalles assinou contrato com o Vasco até março de 2017. Lembrando que o jogador voltou para a Colina, faltando poucos dias para a janela de transferência fechar. O clube autorizou os empresários a procurarem uma oferta superior a 7 milhões de euros. Só com uma oferta dessa, que o atacante poderia deixar a Colina. Além de Thalles, outros jogadores estão na lista: Luan, Henrique, Lorran, Jomar e Jhon Cley.

10 ago

Pós-jogo: Vasco 2 x 1 ABC – Série B

Mais uma vez o Vasco mostra que está ganhando na marra. Adílson trabalhou com três meias, sendo dois abertos e um sem velocidade. O time estava pesado, mas atacava. Mas o ABC também estava aproveitando os contra-ataques, já que os dois times precisavam da vitória.

Fica até difícil falar alguma coisa sobre o esquema, porque é sempre o mesmo. O Vasco não tem um padrão, fica esperando uma bola parada e se não fosse pelo Martín Silva salvando… Bom, as reticências já dizem tudo. Teve momentos, em que o elenco estava pedindo pelo empate, mas o goleirão Martín estava la e a sorte também.

O Vasco venceu com gols de Kléber e Douglas e segue na 5ª posição da Série B. Na terça-feira, o Cruz-Maltino irá enfrentar o Náutico, em Recife, e uma vitória deixa a equipe em 2º lugar. Agora, é tentar descobrir o esquema que o Adílson irá montar, o que não deve ser muito difícil.